São Paulo, 9 de julho de 2020
Home / Colunistas / Enfermagem e interdisciplinaridade em tempos de pandemia

Estomaterapia | Profa. Dra Maria Angela Boccara de Paula

Profa. Dra Maria Angela Boccara de Paula - TiSobest Presidente da Associação Brasileira de Estomaterapia - Sobest Editora da Revista Estima Professora Doutora do Departamento de Enfermagem e Nutrição e Professora do Programa de Mestrado em Desenvolvimento Humano Universidade de Taubaté - Email: presidencia@sobest.com.br

+ postagens

Enfermagem e interdisciplinaridade em tempos de pandemia

Neste momento em que o mundo passa por tantos desafios e possibilidades, me pego pensando sobre minha/nossa profissão, Enfermagem, e relembro que 2020 é o ano desta digníssima categoria profissional.

Será uma coincidência? Uma pandemia acontecendo de forma assustadora e nós na frente de batalha, firmes e determinados a continuar nosso trabalho com muito propósito, determinação, coragem, empatia e compaixão. Não acredito em coincidências, o que faz pensar que esta é mais uma grande oportunidade para marcarmos espaços e mostrarmos a toda sociedade o quão importante é nossa prática, nosso cuidado, nossa presença para contribuir para o bem-estar das pessoas sob nossos cuidados.

Somos membros integrantes da equipe de saúde e temos um papel decisivo para garantir as melhores práticas de saúde às pessoas sob nossa assistência, vez que estamos as 24 horas do dia presentes nas instituições. Participamos de todo o processo, desde o planejamento assistencial até as orientações de alta e acompanhamento ambulatorial e mesmo nos cuidados com o corpo quando infelizmente o óbito ocorre.

Não se pode acreditar que é possível a equipe de Enfermagem realizar tudo isso sozinha, claro que não! A equipe de saúde é essencial e cada profissional é responsável por fazer girar uma parte da engrenagem.

O trabalho interdisciplinar tão sonhado pelos profissionais de saúde, mas tão difícil de ser colocado em prática, encontra nesta pandemia uma grande oportunidade de acontecer, vez que as condutas práticas precisam estar alinhadas de forma a propiciar o cumprimento de protocolos e obter os melhores resultados, afinal não se deseja perder vidas. Assim, entendo este momento como extremamente oportuno para que cada profissional da equipe de saúde encontre os melhores percursos para desenvolver a prática da interdisciplinaridade. Que a Enfermagem possa mostrar sua importância, seu conhecimento e seu compromisso e seja reconhecida dentro e fora do contexto de saúde.

Cabe lembrar que, para que os profissionais de saúde possam manter a engrenagem em movimento, precisam ter condições de trabalho e proteção. Assim se faz mais do que urgente garantir aos profissionais os equipamentos de proteção individual, horários regulares de descanso, apoio emocional e sobretudo reconhecimento social.

Desejo que este ano seja realmente o ano da enfermagem e de seu reconhecimento mundial! Orgulho de ser enfermeira e gratidão a todos que estão no meio do campo de batalha.

Comentários

O portal da Enfermagem não faz a moderação dos comentários sobre suas matérias, esse Espaço tem a finalidade de permitir a liberdade de expressão dos seus leitores, portanto, os comentários não refletem a opinião dos gestores. Apesar disso, reservamo-nos o direito de excluir palavras de baixo calão, eventualmente postadas.

Nenhum comentário enviado, seja o primeiro. Participe!