Portal da Enfermagem
Apoio Cultural:
Dicas do Especialista

Dicas do Especialista busca apresentar aos internautas idéias de renomados colegas que possam contribuir com a prática de enfermagem.Aproveite para deixar comentários que possam promover uma discussão em torno do assunto.




Como elaborar um bom currículo

11/23/2010
Divulguem   |
A A A

No atual mercado competitivo, um currículo bem elaborado é primordial para deixar o candidato mais próximo à vaga de trabalho, pois ele é a sua principal ferramenta de apresentação. E além de viabilizar a entrevistas de seleção, um currículo descrito de forma adequada serve de guia para o entrevistador.

 

“Um currículo bem elaborado torna-se a principal propaganda do candidato para a empresa”, enfatiza a psicóloga Zaini Mourad, especialista em Administração de Recursos Humanos e Consultora de Desenvolvimento de Pessoas com foco na Gestão por Competências. Ela ainda explica que o candidato deve comunicar claramente os objetivos que tem com relação à vaga pretendida. “O currículo, por meio da descrição de competências e resultados alcançados, é a oportunidade que o profissional tem para especificar o seu merecimento pelo cargo pretendido”, justifica ela.

 

Sabendo da importância de um currículo elaborado de forma objetiva e contendo os pontos principais para uma contratação, o Portal da Enfermagem pediu à psicóloga que elencasse os principais aspectos para um bom currículo.

 

Texto, tipos de letras, fontes:

 

Não existe regra, mas como é de bom tom que o currículo seja discreto e elegante. O ideal é que o candidato escolha letra e tamanho que facilite a leitura. Ele pode dar preferência para a cor preta no texto, não utilizar negrito e não sublinhar tópicos. A fonte e o tamanho mais utilizados são Arial e Times New Roman e o tamanho é 12 para o texto e 14 para os títulos. É possível também usar o tamanho 12 para tudo, sendo os títulos em maiúsculo. Utilize linguagem clara e objetiva.

 

 

 

 

Folha e o envelope

 

A folha pode ser colorida, mas é melhor seguir para tons claros, como, por exemplo, o marfim. Não há regra para gramatura ou tipo de papel. Como o custo do papel é elevado (couchet 90 gramas, por exemplo), pode-se usar o A4.

O ideal é que o envelope seja comum, em um formato grande para que não seja necessário dobrar o currículo. Ocupar no máximo três páginas;

 

Como o currículo deve ser dividido

 

ž Identificação

ž Objetivo

ž Qualificações

ž Formação acadêmica

ž Cursos complementares

ž Idiomas

ž Informática

ž Experiências profissionais

 

 

Identificação

 

Nome Completo no alto da página;

Endereço residencial completo, telefones e e-mail;

Dados pessoais: Idade, nacionalidade, estado civil e número de filhos;

 

Objetivo e resumo das qualificações

 

O objetivo do currículo é ser claro e sucinto, como, por exemplo:

- Enfermeiro Obstetra Enfermeiro UTI ou Técnico de Enfermagem em Centro-Cirúrgico.

O resumo das qualificações virá na sequência, contendo os itens que descrevem as habilidades e experiências do candidato.

As competências entram na relação das qualificações e na descrição das atividades desenvolvidas em cada uma das experiências profissionais (empresas em que trabalhou). As competências comportamentais são aquelas que traduzem as atitudes do indivíduo. Por exemplo: bom relacionamento pessoal, trabalho em equipe, negociação, administração de conflitos etc.

As competências técnicas expressam o conhecimento e as habilidades do candidato. Por exemplo: sólida experiência com UTI, em atendimento de emergência; domínio do equipamento respirador VIVO etc.

 

Formação

 

A formação acadêmica deve iniciar com o último curso realizado até o primeiro.

 

Pós-graduação - Urgência e Emergência

Universidade X – 1995 - 1997

 

Graduação em Enfermagem

Universidade Y – 1990 - 1994

 

 

 

Cursos Complementares

 

O padrão a seguir é: Curso/ Instituição/ Data (período) / Carga Horária. Relacionar todos os cursos realizados e que são pertinentes ao perfil da vaga em aberto

 

 

Idioma / Informática

 

Imprescindível citar o nível de conhecimento. Por exemplo, no caso do idioma: Espanhol - Básico ou Inglês - avançado. A escola e o ano podem ser citados, mas não possuem relevância.

 

Experiência profissional

 

Neste campo destacar os projetos que tenha participado ou conduzido e quais resultados foram alcançados. Por exemplo: participei da implantação do novo processo de triagem de pacientes no pronto-socorro, o que possibilitou a identificação e a prioridade no atendimento por urgência. O resultado foi maior controle dos casos mais urgentes e segurança dos pacientes no pronto-socorro.

Repare que é importante citar o feito independente do cargo ocupado. No exemplo citado, com a implantação do novo processo de triagem de pacientes, a participação foi de todos os profissionais envolvidos na assistência do PS.

Iniciar pela mais recente e mencionar as três últimas, período, empresa, cargo e atividades desenvolvidas em cada uma delas relacionando os projetos e resultados caso tenham ocorrido:

             Exemplo: Participei da implantação do novo processo de triagem de pacientes, reduzindo o tempo de espera em 17 minutos.

 

 

Fique atento:

 

 

ž O candidato deve colocar no currículo algo relacionado à questão da qualidade de vida no âmbito social ou mesmo de voluntariado, pois é bem visto pela empresa requisitante a realização de atividades sociais, voluntariado, atuações em ONG etc. Pode ser citado no currículo e em entrevista também. 

 

ž O volume de currículos recebido pelas empresas é de uma quantidade muito elevada. Portanto, não se deve ligar para empresa, porém, se o contato não ocorrer em 30 dias não há problema em fazer contato. Caso o candidato tenha encaminhado via e-mail ou por meio do site da empresa é bem possível que o site esteja programado para oferecer a devolutiva para o candidato.

 

ž Em relação à pretensão salarial, recomenda-se colocar a média de mercado e informar que está aberto à negociação. Para os cargos de Técnico e Auxiliar de Enfermagem é muito raro a empresa solicitar esta informação, porém para Enfermeiros e Gestores é comum.

 

ž Algumas questões são muito pessoais e não acrescentará à empresa na hora da contratação. Como exemplo:

- Filiação;

- Raça, religião e filiação partidária;

- Cursos em excesso ou fora do perfil;

- Assinatura do candidato;

- Linguagem confusa;

- Razões que originaram o desligamento de cada empresa. Elas devem      ser explanadas durante a entrevista.

 

 

 

Leitura recomendada:

 

ž Como Conquistar um Ótimo Emprego e dar um Salto Importante em sua Carreira Profissional -Thomas A. Case – Makron Books – 2ª Edição -1997

 

ž O seu Melhor Caminho ao Sol – 17 caminhos para descobrir uma ocupação gratificante e fazer carreira na economia globalizada – Ricardo de Almeida Prado Xavier – Editora STS – São Paulo 1999.

 

ž A Nova Trajetória Profissional – Newton José de Oliveira Neves e Milton Fagundes - Editora Mission - 1999

 

 

Mourad Z. Como elaborar um bom currículo [internet] 2010 [citado 2010 Novembro 24]. Disponível em http://www.portaldaenfermagem.com.br




Fonte: Portal da Enfermagem


Comentários   Clique aqui para enviar seu comentário.


11/25/2010 - tatyanne -MG
Muito interessante a matéria, objetiva e esclarecedora. Parabéns.

11/25/2010 - Ana Lyga Pires Melaragno Sao Paulo-SP
Parabéns pela matéria, estas informações são muito importantes para os profissionais e facilitam muito o trabalho no processo seletivo. Ana lygia Pires Melaragno

11/25/2010 - Cristiane Santos Olinda-PE
Em tempos de ascenção de nossa profissão em escala exponencial e considerando as exigências das organizações de saúde para novas habilidades e competências, ser objetivo e contundente nas informações de um currículo é algo bem difícil! Parabéns pela escolha da reportagem e obrigada pelas dicas!!!

11/24/2010 - Ana Paula Quadrado Ribeiro Sao Jose do Rio Preto-SP
Muito boa essa matéria, estou terminando meu aprimoramento e tinha muitas dúvidas sobre se o meu curriculo estava bom, me ajudou muito, vou fazer as correções necessarias, quem sabe me ajuda a conseguir um emprego. rs Abç, Ana Paula

11/24/2010 - Flavia S. Alvim -SP
Posso estar enganada, mas atualmente, os grandes e até pequenos hospitais de São Paulo, bem como de alguns outros estados possuem Banco Informatizado de Currículos em seus sites, colocando praticamente em desuso o antigo formato do Curriculum vitae impresso, o qual aliás deixa o candidato em desvantagem visto o volume de curriculos informatizados que estes hospitais recebem e a facilidade com a qual os profissionais de RH podem acessar seus dados com o cruzamento de palavras-chave e busca do perfil mais próximo da vaga oferecida, para convocação ao processo seletivo. Há hospitais que nem mais aceitam esta forma de currículo em seus dptos de RH.

11/24/2010 - maria antonia de andrade dias Sao Paulo-SP
Muitos enfermeiros ainda tem dificuldade em fazer curriculo. Parabens pela iniciativa dessa apresentação



Voltar Imprimir Indicar por e-mail Comente está notícia

Cadastre-se

para receber nossos informativos >>>>>